Principais desperdícios da produção
na Indústria Gráfica

O maior foco das indústrias gráficas que aplicam Sistemas de Gestão (ou não) é o combate aos inúmeros desperdícios que podem ocorrer na produção de um impresso, estejam eles diretamente ligados ao processo produtivo ou vindos de outros departamentos.
Há várias formas de desperdício e um exemplo bastante comum neste ramo é quando se produz mais do que o necessário. Há dois tipos principais de desperdícios: o que é visível e os que são ocultos.
Em relação aos ocultos, é importante que eles sejam descobertos e eliminados antes que se possam tornar grandes de mais, incorrendo numa fonte maior de problemas para a empresa.
Como exemplo é o problema da troca de informações principalmente de ordem técnica (tipo de papel, cores, número de páginas, etc.) entre cliente e gráfica, seja via Departamento Comercial, telefonema do cliente para o vendedor ou directamente para o orçamentista.

Os desperdícios podem assumir diferentes formas, podendo ser encontrados no processamento de um impresso ou perdas em transportes internos desnecessários. Os desperdícios podem ainda ser observados em actividades que não agregam valor.


Os principais desperdícios da produção são:

  • • Defeitos de qualidade (matérias-primas ou processamento)
  • • Excesso de produção ou quebra de tiragem
  • • Espera = Tempos improdutivos
  • • Transporte inadequado (interno, externo ou terceiros)
  • • Movimentação em excesso ou desnecessária.
  • • Processamento inapropriado em qualquer Centros de Custos
  • • Stock de matérias-primas semi acabados ou em excesso.
  • • Falta de supervisão técnica na produção e treinamento dos operadores.

A falta de objectividade na especificação do cliente em relação ao produto, a falta de controlo dos materiais e do processo, a incapacitação de pessoas ou pessoas não qualificadas e a inexistência de normas e procedimentos, são as principais causas para os desperdícios.

Sabemos que qualidade é fazer a coisa certa logo na primeira vez. Trata-se de planeamento e prevenção, não de correção e inspeção.

A melhoria contínua e medidas de prevenção são os meios mais eficazes para reduzir os desperdícios causados por defeitos.

Stock e a sua influência no desperdício:

  • • Stock excessivo de produto acabado a aguardar entrega.
  • • Stock excessivo de matérias-primas e insumos.
  • • Stock de materiais de baixa qualidade pouco utilizados.
  • • Stock de sobras, não identificadas.

A produção excessiva, lead time elevado e a compra de materiais apenas por conveniência são as causas que contribuem para o stock excessivo.

Os desperdícios de stock podem ser originados na compra e armazenamento de excedentes de insumos, materiais ou outros recursos. Na maioria das vezes, a principal causa é a falta de planeamento e desconhecimento do departamento de compra em relação à taxa de utilização de um determinado recurso. Ter excesso de stock significa um maior custo para a empresa, ocupação de área, manutenção do inventário e do stock.
Para evitar o desperdício é necessário um planeamento de compras eficiente junto com o Departamento Financeiro.

O desperdício referente ao tempo de espera ocorre quando os recursos (pessoas ou equipamentos) são obrigados a esperar desnecessariamente em virtude de atrasos na chegada de materiais ou disponibilidade de outros recursos, incluindo informações. O desperdício também acontece quando ocorrem movimentos desnecessários do pessoal. Por norma acontece na área de acabamento manual (procurar, andar, baixar, elevar e outros movimentos corporais). Isto acontece quando os funcionários não são devidamente orientados. Este desperdício de movimento, muitas vezes atrasa o início dos trabalhos e interrompe o fluxo das actividades.

Se for realizada uma análise criteriosa, é possível identificar actividades e tarefas dentro do processo que podem ser irrelevantes e que afetam diretamente a produtividade e o custo da operação. Este é o motivo pelo qual é necessário analisar e identificar em cada etapa a existência de gargalos e eliminá-los.

Para que seja possível eliminar os desperdícios é necessários reconhece-los, identificando assim os locais de origem, causa e encontrar soluções para minimizar ou eliminar este desperdício.
Finalmente tem de se avaliar, também, outros departamentos onde certamente também existe desperdício, como por exemplo a área comercial, compras e claro o Departamento Financeiro.
Muitas vezes esses desperdícios são intangíveis, logo não podem ser eliminados, contudo através de planilhas de gestão administrativa costumam ficar visíveis

criatividade

A Criatividade é mudança.
É auscultar o futuro e projectá-lo no presente.
BIG novidades!!!
Veja aqui